Cinema, Especiais

A Tecnologia 3D

É inegável dizer que o cinema é um dos poucos instrumentos que podem atrair diversos públicos, pessoas de personalidade diferentes: Tímidos, extrovertidos, sérios, brincalhões…. É quase que impossível achar alguém que não tenha se identificado ou gostado de um filme. E quem diria que com a invenção do cinema pelos Irmãos Lumiére no final do século XIX chegaríamos até esse ponto, o de recriar vida na tela. Primeiramente filmes mudos, branco e preto. Posteriormente sons, cores, efeitos…… Terceira dimensão. 3D!

● Origem.

Mas se engana quem pensa que a tecnologia 3D começou á poucos anos atrás, ela pode ter atingido seu aperfeiçoamento nos últimos anos, porém há mais de meio século já existem filmes 3D. Mais precisamente em 1952 nos Estados Unidos, com o intuito de combater a televisão foi desenvolvido essa técnica. O filme hollywodiano pioneiro na tecnologia 3D foi a “A Sombra e a Escuridão”. A tecnologia 3D, obviamente sem á perfeição de hoje se adentrava nas salas dos cinemas de todo o mundo.

● Entendendo o Efeito 3D.

Mas como será que podemos ter essa sensação? Se sentir dentro do próprio filme não é algo simples, tanto de ser explicado e muito menos de ser alcançado. Vamos deixar claro que a terceira dimensão não existe, tudo o que acontece é uma simples ilusão de nossas mentes. Não se adentrando muito nos detalhes físicos tentarei simplificar o porque desse efeito. O que ocorre é que duas imagens da mesma cena são projetadas em ângulos diferentes. Tendo como base que a distância média de nosso olhos é de 6 centímetros, uma câmera simula com esses exatos 6 centímetros o olho humano. Automaticamente nosso cérebro fundi as duas imagens, dando a tal sensação do 3D.

Mas como os diretores e técnicos conseguem colocar as imagens nos pontos de observação mais adequado? Realmente não é nada simples. Para a captação correta as imagens devem ser filmadas ao mesmo tempo e depois sincronizadas. O enquadramento das duas fontes de imagens é sem dúvida o trabalho mais demorado e complicado, mas também o mais saboroso para o público. Depois de filmado e editado chega a hora de por em prática nos cinemas. A luz do retroprojetor vai para telona na forma de espiral, graças á essa técnica os quadros se alternam, cada um girando para um sentido. Mas alem da projeção a tela do cinema deve sem prateada, sendo assim refletida, permitindo que essas luzes passem a idéia de realidade. Porém de nada adiantaria todo esse trabalho se não fossem utilizados os Óculos 3D, temos idéia da importância dos óculos quando retiramos eles, não enxergamos absolutamente nada, varias imagens porém sem nenhuma nitidez. A função exclusiva dos óculos é permitir que cada olho capture um quadro diferente, isso ocorre pelo fato dos óculos possuírem filtros de polaridade. Como se cada pessoa visse a mesma coisa através de focos diferentes.

● O 3D no Brasil.

Houveram muitas tentativas de filmes, não só no Brasil mas em todo o mundo, de alcançar o ápice do 3D, mas vamos nos focar somente em nosso território. Como relatado anteriormente desde 1952 já existe essa técnica, porém podemos afirmar que somente nos últimos 2 anos finalmente fomos transportados para dentro do filme, enfim as produções conseguiram simular a realidade. “Avatar” é sem sombra de dúvida o trabalho mais perfeito na tecnologia 3D, o que James Cameron realizou foi algo mágico, em seus 12 anos trabalhando na mega produção o cineasta deslumbrou enfim o cinema 3D, abrindo portas para mais inúmeras produções.
Dois dos filmes mais esperados de 2010 terão cópias em 3D no Brasil, “Toy Story 3” e “Alice no País das Maravilhas”.

Alguns filmes em 3D que aterrissaram em território brasileiro:

U2 – 3D (2007)
Coraline e o Mundo Secreto (2008)
Viagem ao Centro da Terra (2008)
Jonas Brothers 3D – O Show (2009)
Monstros vs. Alienígenas (2009)
Up – Altas aventuras (2009)
Era do Gelo 3 (2009)
Dia dos Namorados Macabros (2009)
Força G (2009)
Premonição 4 (2010)

Quem ganha com isso é somente o telespectador e todos nós, amantes de cinema. Com novas tecnologias sendo inventadas e com novos instrumentos que a cada dia vão sendo aperfeiçoados, nós seremos incrementados ao mundo do cinema, nós vamos realizar o sonho de participar de um filme, mesmo que seja indiretamente.

● Como fazer um Óculos 3D.

Os óculos 3D tradicionais funcionam com imagens que têm duas componentes, uma azul e outra vermelha. Assim, quando se coloca um óculos em que cada lente tem uma dessas cores, cada olho só consegue ver um dos componentes da imagem — ou seja, a lente vermelha só permite ver a imagem azul, e a lente azul só permite ver a imagem vermelha. É a diferença de perspectiva entre as duas imagens que cria a ilusão de tridimensionalidade.

Caso você não possua, é muito fácil criar seus próprios óculos 3D.

Você vai precisar de:
– tesoura
– cola
– uma impressora e papel sulfite
– um pedaço de cartolina
– acetatos vermelho e azul

1- Imprima o molde abaixo numa folha sulfite

2- Recorte o molde e cole as três peças, já unidas em sua posição correta (formando as hastes e a estrutura dos óculos), numa folha de cartolina

3- Recorte a estrutura resultante na cartolina, inclusive os espaços indicados para as lentes

4- Cole um pedaço de acetato vermelho e outro de acetato azul nos locais indicados

5- Dobre as hastes e seus óculos 3D estão prontos para uso!

● Estamos na era da tecnologia e felizmente o cinema não vem ficando para trás e seguirá se aperfeiçoando mais e mais, até o ponto onde não distinguiremos o real do visual.

__________________________________
por Filipe Ferraz

3 comentários em “A Tecnologia 3D”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s