2011, Cinema, Críticas

Se Beber, Não Case! Parte 2 (2011)

Bêbados novamente, porém grotescamente mais divertidos


Todd Phillips, Bradley Cooper, Ed Helms, Zach Galifianakis e nem mesmo Myke Tyson esperavam que, aquele filme despretensioso de 2009, fosse fazer tanto sucesso e praticamente abalar o sentido geral da tão popular ‘comédia’. Se Beber, Não Case!, há três anos, não fugiu para o estilo pastelão, nem para comédias um pouco mais ácidas… Ao misturar, além de personagens incrivelmente carismáticos e divertidos com situações hilárias e principalmente intrigantes, fez com que sua narrativa fosse estabelecida em um arco de suspense fascinante. Sucesso de bilheteria, crítica e premiações, uma não continuação seria praticamente o chamado ‘suicídio comercial’. Foi então que Todd Philips, Craig Mazin e Scot Armstrong, os roteiristas do longa, sentaram em volta de uma fogueira na Tailândia e em meio a alguns marshmallows e cervejas, começaram a pensar: O que fazer? Como repetir aquele estrondoso trabalho de anos atrás? Estava na cara qual era a resposta…

Em Se Beber, Não Case! Parte 2 Phill (Bradley Cooper), Stu (Ed Helms), Alan (Zach Galifianakis) e Doug (Justin Bartha) viajam para a exótica Tailândia para acompanhar e comemorar o casamento de Stu. Com memórias ainda frescas da incrível viagem para Las Vegas de anos atrás, Stu procura tomar boas precauções para que aquela grande confusão não volte a acontecer. Ele optou por uma segura e discreta despedida de solteiro (se é que podemos chamá-la assim) em uma lanchonete rodeada por panquecas, melões, café e obviamente, sem uma gota de álcool. No entanto, às vezes nem tudo sai como planejado, e no caso de Stu, Phill e Allan, quase nunca…
Dois dias antes do grande dia de seu casamento, Stu decide participar apenas de uma comemoração simples na beira do mar no maravilhoso resort em que estão hospedados. Com a companhia do irmão de sua noiva, Ted (Mason Lee), basta apenas uma cerveja para tudo correr por água abaixo… Acordando novamente perdidos, e tentando encontrar Ted, o trio de amigos terá que desvendar Bangkok e voltar á tempo do grande casamento.

Saindo da sessão a qual assisti ao filme, a sensação era única: Tão bom quanto o primeiro. Porém, expandindo mais essas opiniões, encontrei algumas críticas ao filme, principalmente a seu roteiro idêntico a seu prólogo, e também, a cenas digamos ‘fortes’… E o mais hilário é que tais cenas se resumem a aparições de um órgão genital masculino, e somente sendo um pouco mais ‘’flexível’’, digamos assim, podemos classificá-lo como ‘ofensivo’. O que geralmente me surpreende, é que boa parte dessa turma que se sentiu ofendida com tais situações, por favor, sem generalização, faz parte do grupo dos ‘Politicamente Corretos’. Ou seja, eles em si não se sentiram ofendidos (o que é de total direito), mas sentiram que a ‘moral’ pública foi afetada com tais cenas robustas… Uma atitude que vem se impregnando em diversos setores da sociedade, seja no cinema, futebol, cultura, escola…

Enfim, depois de um pequeno parágrafo a parte para observar esse comportamento irritante, que bom notar que Se Beber, Não Case! Parte 2 não tem medo em combater as inúmeras comédias babacas, e também, em REPETIR, com todas as letras maiúsculas, a mesma fórmula de SEU próprio sucesso. Quem criou tal fórmula foi Todd Phillips, então não é nenhum demérito copiá-la. Ora, se funcionou, porque mudar? Quem vai assistir sua continuação, provavelmente é porque gostou do primeiro filme e quer, obviamente não que milimetricamente, a mesma coisa. Ao ver Se Beber 2 até consegui (relevem esta frase, por favor) entender o porquê Jogos Mortais sempre é a mesma coisa… Se todo mundo continuar gostando (entenda-se dando lucro), mudar pra quê, certo?
Mas não se espantem se você der mais risadas nesta continuação, já que sim, ela praticamente supera sua produção original. Tudo bem, ela não terá o baque e nem a originalidade de outrora, mas possui um elenco muito mais a vontade e com situações muito mais grotescas e divertidas. E palmas para Todd Phillips, que realizou a melhor comédia de 2009 (Se Beber, Não Case!), 2010 (Um Parto de Viagem) e já podemos sim pré-classificar esta segunda parte como a possível comédia do ano de 2011.

Bradley Cooper, Ed Helms e Zach Galifianakis demonstram uma química invejável, apresentando estar mais a vontade com seus personagens e sem medo ao incrementá-los com frieza a este ‘mundo de loucos’. O interessante, é que a princípio o personagem de Doug, interpretado por Justin Bartha, teria mais espaço, porém sem querer apostar em seu lado cômico, o trio de roteirista acertadamente escolhe deixá-lo de lado, dando agora o status de ‘perdido’ para Ted, interpretado pelo desconhecido Mason Lee, que mesmo com pouco tempo em cena, não compromete, e convence como o nerd violinista e orgulho do papai. Ken Jeong, o sempre estranho Mr. Chow, volta a franquia, desta vez com mais minutos em cena, disponibilizando ao público grandes gargalhadas. Temos ainda participações de Jeffrey Tambor (Quem Vai Ficar Com Mary?), Jamie Chung (Sucker Punch – Mundo Surreal) e Paul Giamatti (Minha Versão do Amor).

Infelizmente a produção vai muito mal nas críticas lá fora, que repito, em grande parte se resumem a rebaixá-lo por fazer piadas racistas (???) com orientais, e situações que fogem do casual pré-estabelecido como certo. Será uma pena se a produção do filme levar em consideração todas essas críticas e mudar drasticamente seu estilo em uma possível e quase inevitável continuação.
Querem classificá-lo como grotesco? Ok, Se Beber, Não Case! Parte 2 será então uma das comédias mais grotescas, chulas, ofensivas e de mau gosto dos últimos anos, mas é sem dúvida uma das mais engraçadas, o que sei, desde que me entendo por gente, deveria ser o grande objetivo de uma COMÉDIA, com letras garrafais e gritantes… Assim como o filme.

Nota: 8,0

por Filipe Ferraz

4 comentários em “Se Beber, Não Case! Parte 2 (2011)”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s