Poltergeist – O Fenômeno (1982)

Poltergeist PosterPoltergeist

Direção: Tobe Hooper
Roteiro: Steven Spielberg, Michael Grais, Mark Victor
Gênero: Drama/ Suspense/ Terror
Origem: Estados Unidos
Duração: 114 minutos
Tipo: Longa-metragem
Elenco: Heather O’Rourke, Craig T. Nelson, JoBeth Williams, Beatrice Straight, Dominique Dunne, Oliver Robins, Michael McManus, Virginia Kiser, Martin Casella, Richard Lawson, Zelda Rubinstein, Lou Perryman, Noel Conlon

Sinopse: Eles estão aqui. Parecem amistosos no começo, tentando equilibrar cadeiras na cozinha da casa da família Freelings, num subúrbio americano. Então as coisas tornam-se tenebrosas. Uma tempestade rompe, o ataque de uma árvore, a pequena Carol Anne Frreling desaparece num espectro sinistro. E assim que sua família confronta uma reação em cadeia de horror e luta pra trazer sua caçula de volta, alguma outra coisa está aqui também.

Premiações: Indicado a 4 Oscars: Melhores Efeitos Visuais, Melhor Edição de Som, Melhores Efeitos Sonoros e Melhor Trilha Sonora Original.

Às vezes é bem complicado analisar uma obra tão presa tecnicamente e conceitualmente à época em que foi lançada, e esse Poltergeist deixa bem claro que muitos conceitos utilizados pelo diretor Tobe Hooper dependiam excessivamente dos efeitos visuais, hoje consideravelmente ultrapassados, principalmente em um terror que não preza pela sutileza. Com tudo, Poltergeist reúne uma das maiores cenas de terror – a falecida atriz Heather O’ Rourke olhando para a estática de sua TV com as mãos na tela – e o interessante roteiro de Steven Spielberg, Michael Grais e Mark Victor é base para construção de um cenário tenso, momentos icônicos e interessantes escolhas visuais do diretor.

★ ★ ★ ★

1 comentário Adicione o seu

  1. Anderson André disse:

    Assisti os três filmes do Poltergiest e realmente o primeiro foi o melhor. Mas uma crítica eu faço: o terceiro capítulo teve uma história boa mas podia caprichar mais de alguma forma, bom o fato que de verdade quando estavam gravando o final do filme a atriz mirim que interpretava Carol Anne “faleceu”. Aí não teve também mais como fazer uma continuação.Li também que o médico que operou ela, fez uma operação errada. E depois que ela falecu, a família dela processou o hospital.

    Sei que li uma certa vez que ela era “uma promessa do cinema americano.”

    Gosto de assistir filmes sendo principalmente de terror e quem quiser manter um contato comigo escreva pro meu e-mail: andersonandre2@outlook.com

    Responderei à todos.

    Abraços Anderson André.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s